Saber que dá Gosto

Conteúdos

O que são nutrientes

Os nutrientes são substâncias presentes nos alimentos, responsáveis pela manutenção das reações biológicas vitais ao funcionamento do organismo. 

Com exceção da água e de alguns preparados farmacêuticos, os nutrientes não se encontram disponíveis, de forma isolada, ao organismo. De facto, interagem entre si nos alimentos, no sistema digestivo durante os processos de digestão, fermentação e absorção, na corrente sanguínea e ao nível celular durante os processos metabólicos.

Roda dos Alimentos
Roda dos alimentos.

Tipos de nutrientes

Os tipos de nutrientes que existem na natureza são as proteínas, os hidratos de carbono, os lípidos, as vitaminas, os minerais, a água e as fibras alimentares.

Nutrientes essenciais

Entre os vários nutrientes, destacam-se os que são essenciais ao organismo. Especificamente, os nutrientes essenciais são aqueles que o organismo não consegue sintetizar na totalidade ou sob quantidades que satisfaçam as suas necessidades metabólicas.

A água, os hidratos de carbono, a maioria dos lípidos e das proteínas, as vitaminas e minerais, fazem parte do grupo dos nutrientes essenciais. Apesar da fibra alimentar de não ser essencial ao estado nutricional do indivíduo, a ingestão deste nutriente contribui para uma boa saúde intestinal.

Classificação dos nutrientes

Os nutrientes podem ser classificados quanto à sua composição química e quanto à sua capacidade energética e reguladora.

Quanto à composição química, os nutrientes podem ser inorgânicos (água e minerais) ou orgânicos (proteína, hidratos de carbono, lípidos, vitaminas e fibras alimentares). Já em relação à capacidade de fornecerem energia ou de regularem processos metabólicos, os nutrientes classificam-se em macronutrientes (proteínas, lípidos e hidratos de carbono) ou micronutrientes (vitaminas e minerais).

Valor energético dos macronutrientes

Ao nível do sistema digestivo, os nutrientes sofrem processos metabólicos do tipo catabolismo (inerentes à quebra de ligações intramoleculares). Estes, permitem o fornecimento de energia às células (denominada por ATP, Adenosina TriPhosphate) e produção de calor (termogénese) ao organismo.

Neste seguimento, é importante clarificar o que é a caloria. A caloria é uma unidade de medida de energia, sendo que 1 caloria corresponde à energia necessária para aumentar 1 ºC de temperatura de 1 ml de água.

Em relação aos alimentos, a caloria é a unidade de medida que permite quantificar a energia contida nos mesmos. De facto, os lípidos são os nutrientes que fornecem maior aporte energético (9 kcal/g), comparativamente aos hidratos de carbono e às proteínas. Tanto os hidratos de carbono como as proteínas fornecem 4 kcal/g.

Apesar do álcool não ser um nutriente, também não está isento de energia. Por este motivo, 1 grama de álcool fornece 7 Kcal.

Bibliografia consultada

Gibney, MJ; Lanham-New, SA; Cassidy, A; Vorster, HH. Introduction to Human Nutrition. 2nd Ed. Nutrition Society. 2009.

https://www.britannica.com/science/calorie [consultado a 4 de Janeiro de 2023].